Sinais e sintomas otológicos associados à DTM

Sinais e sintomas otológicos associados à DTM

pela Liga Acadêmica Interdisciplinar de Dor Orofacial (LigaDOR UFSC)

As Disfunções Temporomandibulares (DTM) são um conjunto de alterações que podem afetar a articulação temporomandibular (ATM) e diversas áreas extrínsecas a essa articulação, como diferentes regiões da cabeça e pescoço, além de áreas pré-auriculares e auriculares.

Muitos pacientes apresentam sintomas otológicos associados à DTM, sendo os principais: otalgia (dor), zumbido, plenitude auricular (pressão no ouvido), vertigem e sensação de ruídos articulares. Esta relação pode ser dada pela proximidade anatômica e funcional entre os componentes do ouvido e da ATM.

É fundamental avaliar a ocorrência dos sinais otológicos em concomitância com a DTM, para identificar se estão, de fato, associados. Além disso, diferentes profissionais da saúde devem atuar para que haja diagnóstico e tratamento adequado, como o dentista, o fonoaudiólogo e o otorrinolaringologista.

Referências:

PINHEIRO, Mariana Lima Nobre; COSTA, Marcos Rossiter de Melo; BARBOSA, Kevan Guilherme Nóbrega; NÓBREGA, Diego Figueiredo. Sintomas otológicos da disfunção temporomandibular: uma revisão da literatura. Diversitas Journal, [S.L.], v. 4, n. 2, p. 686-696, 4 jun. 2019. Universidade Estadual de Alagoas. http://dx.doi.org/10.17648/diversitas-journal-v4i2.775.

VIANA, Aline Maria Barbosa; OLIVEIRA, Eustáquio Luiz Paiva de. Relação entre Disfunção Temporomandibular e Sintomas Auditivos: revisão da literatura. Revista Científica Univiçosa, Viçosa - Mg, v. 8, n. 1, p. 830-834, dez. 2016.

Autoria: Liga Acadêmica Interdisciplinar de Dor Orofacial (LigaDOR UFSC)


Para saber mais, marque sua consulta agora mesmo!



Voltar para artigos
whatsapp
whatsapp